Última Publicação

CAPA_19-SITE2

Revista nº 19 | 2017.


Apresentamos mais um número da nossa revista SOCIALISMO e LIBERDADE. Ao fazê-lo, não podemos deixar de registrar sua crescente aceitação dentro e fora do PSOL. A revista caminha para atingir um de nossos objetivos, senão o principal deles: ser uma referência no debate das forças progressistas em nosso país.

Nesta edição, você pode conferir a entrevista com Claudio Katz, grande intelectual argentino, Lívia Duarte falando sobre a invisibilidade da dor do Norte do país; Antonia Andrade e a questão do empoderamento feminino; artigos de Beatriz Meirelles, Paulo Kliass e Rodrigo Ávila com diferentes pontos de vista sobre a questão da Dívida Pública; Jean Marc von der Weid perguntando quanto vale o agronegócio brasileiro e muito mais. Em breve a versão impressa estará pronta. Confira e ajude a divulgar!


Publicações da Fundação Lauro Campos


MOCK CAPA S&L-18

Revista nº 18 | 2017.

Apresentamos mais um número da nossa revista SOCIALISMO e LIBERDADE. Ao fazê-lo, não podemos deixar de registrar sua crescente aceitação dentro e fora do PSOL. A revista caminha para atingir um de nossos objetivos, senão o principal deles: ser uma referência no debate das forças progressistas em nosso país.
capa catalogo

Catálogo da exposição “A nova arte-política”.

Com muito prazer e honra a Fundação Lauro Campos apresenta os resultados do edital para a exposição A NOVA ARTE POLÍTICA. Para nós foi um desafio muito estimulante pensar este projeto e o resultado está nos agradando demais.

Captura de Tela 2017-05-11 às 11.41.42

Revista nº 17 | 2017.

Este número é aberto com uma entrevista com líder da bancada do PSOL na Câmara: o deputado Glauber Braga. "O GÂNGSTER EDUARDO CUNHA CONTINUA INFLUINDO NO GOVERNO E NO CONGRESSO".
Capa-Revista4

Revista nº 16 | 2017.

O número 16 é a primeira publicação da Fundação Lauro Campos em 2017, ano que marca o centenário da Revolução Russa e incentiva a reflexão sobre a atualidade do socialismo. E no espírito, de retomar a origem do Dia Internacional de Luta das Mulheres e o papel vital das mulheres trabalhadoras na luta pelo socialismo, que promovemos uma edição protagonizada por mulheres.

Capa Revista nº 15 - 380 largura

Revista nº 15 | Dezembro de 2016.

Esta edição da SOCIALISMO & LIBERDADE é dedicada à memória de Fidel Castro, falecido quando a revista estava em vias de ser enviada para a gráfica. Seria inaceitável que a primeira edição da revista depois da morte de Fidel não prestasse uma merecida homenagem a ele.

Libertando a vida: A Revolução das Mulheres.

A Fundação Lauro Campos lança: Libertando a Vida – a Revolução das Mulheres, de Abdullah Öcalan. A obra trata da participação das mulheres curdas na luta pela independência.

Revistas_socialismo e liberdade _ nº 14

Revista nº 14 | Ano VIII | Setembro de 2016

O GOLPE DERRADEIRO CONTRA O ESTADO SOCIAL | Eduardo Fagnani
IMPACTOS DAS OLIMPÍADAS DO RIO E DOS MEGAEVENTOS | Flávio Campos
ENTREVISTA SOBRE OS DESAFIOS DO PSOL NAS ELEIÇÕES DESTE ANO | Marcelo Freixo
capa

Revista nº 12 | Ano VIII | Junho de 2016

A Fundação Lauro Campos faz chegar até você nossa revista, voltando estimular reflexões, apresentar novos pontos de vista e lembrar acontecimentos e personagens que merecem estar em nossa memória.

Guia do golpe

GUIA DO GOLPE NO BRASIL PARA ESTRANGEIROS

Tem como foco explicar aos estrangeiros como culminou o golpe no Brasil, suas causas, atores envolvidos e consequências. Foi produzido em português, francês, Inglês e espanhol.

Um partido necessário
10 anos de PSOL

Uma breve trajetória de um partido que mais cresce na esquerda brasileira, suas conquistas e desafios analisados por diferentes olhares.
 

Manual Eleitoral 2016

Eleições 2016

Por aqui você acessa os materiais produzidos pela Fundação Lauro Campos que oferecem suporte ao conjunto do partido no que tange as Eleições Municipais de 2016.


Colaborações

cinco-mil-dias-mock2

Cinco mil dias: o Brasil nos tempos do lulismo

A Boitempo e a Fundação Lauro Campos lançam a coletânea “Cinco mil dias: o Brasil na era do lulismo”, organizada por Gilberto Maringoni e Juliano Medeiros. Cinquenta e dois autores – entre acadêmicos, lideranças políticas e ativistas sociais – de relevância nacional e de variadas matizes políticas no campo progressista realizam uma minuciosa avaliação, setor por setor, dos 13 anos de governos lulistas.
Capa A grave de 1917

A greve de 1917 – os trabalhadores entram em cena.

Recém publicado pela Fundação Lauro Campos em coedição com a Alameda Editorial o livro de José Luiz Del Roio, sobre a greve brasileira de 1917, compara a situação de cem anos atrás com a cena atual.

__CAPA_VERSAO_FINAL-01

Público x Privado em tempos de golpe.

Publicação da Fundação Lauro Campos, em parceria com a Fineduca. A obra reúne sete artigos escritos por 11 especialistas na área de financiamento da educação e foi organizada pelos professores Luiz Araújo e José Marcelino Pinto.
livro lauro campos2

Reflexões Rebeldes

A Fundação Lauro Campos teve o prazer de colaborar, junto com a editora José Olympio e o autor Cid Benjamin, para mais uma coletânea crítica com reflexões importantes neste no cenário político atual.

reflexoes-rebeldes

A crise da ideologia keynesiana

A editora Boitempo acaba de lançar a segunda edição da obra, escrita pelo economista Lauro Campos. A edição contou com o apoio da Fundação que leva seu nome.
 
por que gritamos Golpe_capa

Por que gritamos Golpe?

A Editora Boitempo, com apoio da Fundação Lauro Campos e da FETEC-CUT/CN, lança em julho de 2016 a coletânea – Para entender o impeachment e a crise política no Brasil, pela coleção Tinta Vermelha.

Livro: Socialismo, Liberdade e Poder Local

 

Neste livro, lançado pela Fundação Lauro Campos, destacados militantes do PSOL debatem o tema Socialismo, Liberdade e Poder Local, de olho nas eleições municipais que se aproximam. Em pequenos ensaios, eles dão respostas diferenciadas à questão formulada por Milton Temer: “É possível compatibilizar a disputa institucional do Poder Local com o objetivo estratégico da conquista do socialismo libertário, eixo ideológico referencial de nosso Partido?”.

 

Clique aqui para ter acesso ao texto completo.